top of page

HARLEM e a importância da representatividade negra e LGBTQIA+

Por Larissa Cesar (CRP: 03/9058)


A série narra a história de Camille, Quinn, Tye e Angie, quatro amigas que se conheceram na faculdade. E assim, conhecemos a história de cada uma, enquanto elas compartilham suas conquistas e conflitos numa amizade onde uma incentiva a outra.


Cada personagem possui características bem marcantes, e juntas, debatem e refletem sobre suas vidas, principalmente sobre como é ser uma mulher negra na sociedade, mas sem perder o tom leve e divertido, além disso, discutem sobre feminismo e questões raciais muito significativas. Os dilemas e desafios vivenciados por elas envolvem questões pessoais, familiares e profissionais, relações amorosas, laços afetivos, escolhas, projetos de carreira e planos para o futuro. Camille é uma jovem e popular professora de antropologia da universidade Columbia, com amplo conhecimento das condutas de namoro e flerte de muitas culturas, mas que tem dificuldade em conduzir a sua própria vida amorosa. Tye, é a primeira mulher negra queer a desenvolver um aplicativo de relacionamento para mulheres LGBTQIA+ de sucesso. Mas, sua vida amorosa é complicada, pois ela tem dificuldade para manter relacionamentos mais profundos, por isso, vive de encontros casuais e superficiais. Quinn, é uma estilista que abandonou uma carreira promissora em Wall Street para realizar o sonho de ter sua própria marca de roupas femininas. Ela tem um relacionamento conturbado com a mãe, por ter largado um trabalho promissor para recomeçar em uma nova carreira no mundo tão concorrido da moda. Completando o quarteto Angie, uma artista em busca da grande oportunidade de sua carreira, que mora na casa de Quinn e está sempre buscando maneiras de conseguir dinheiro, mas sem muitos planos para o futuro. A série aborda o universo feminino, mostrando a vida dessas personagens, cada uma com seus conflitos, e que a cada episódio vão mostrando sua potência. Traz também ensinamentos sobre autoconhecimento e amor-próprio. Harlem é uma série incrível, com temas que precisamos refletir. Vale a pena assistir!!





Larissa César é psicóloga, com formação em Terapia Familiar Sistêmica. Atende online e na área acadêmica seus interesses estão voltados para relacionamentos amorosos, conjugais e familiares, autoestima, relações de gênero e luto.

13 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page